Odontopediatria - Odontologia para Crianças

 

Odontopediatria - Orientações para bebês, crianças, adolescentes e gestantes

Pesquisas mostram que o medo de dentista, que inibe os pacientes adultos a procurarem tratamento, geralmente é conseqüência de uma má experiência com o dentista quando criança. Para ter uma higiene bucal adequada, saudável pela vida inteira, é preciso começar a prevenir desde criança.

Os cuidados odontológicos feitos na odontopediatria, podem começar já na gestação quando a futura mamãe é instruída sobre hábitos alimentares.

Esclarecendo dúvidas freqüentes sobre Odontopediatria:

E o que é a Odontopediatria?

É a área da odontologia que visa monitorar a saúde e corrigir precocemente os desvios do padrão de normalidade desde cedo, onde a prática da Odontopediatria faz com que a consulta seja agradável e simples a fim de produzir sensações de bem-estar, higiene bucal e um lindo sorriso saudável para seu filho.

Crianças pequenas podem ter cáries?

Sim, e com muita facilidade. Pelo fato das crianças ainda serem pequenas e não terem coordenação motora suficiente para realizar os movimentos corretos que irão limpar os seus dentes.

Qual a importância da Odontopediatria?

Os cuidados com crianças são muito distintos dos adultos, elas requerem mais tempo, ambiente, distração e psicologia.

De que forma o dentista odontopediatra trabalhará com meu filho(a)?

Em nossa clínica, preferimos conduzir a 1ª consulta de modo que a criança de tenra idade saia de lá somente com memórias boas.

A 1ª consulta inclui orientações sobre como escovar os dentes do seu filho (técnica de escovação, tipo de pasta de dente, posição, como fazer se ele não deixar, etc), hábitos de dieta saudáveis (como fazer para seu filho poder comer de tudo mas sem ter cárie), o uso do flúor em bebês e, mais importante de tudo, a familiarização da criança com o ambiente e a equipe odontológica (condicionamento infantil).

Para isso, temos não só infra-estrutura, mas também conhecimento e experiência com as técnicas.

Somente na segunda consulta, quando a criança já conhece todos os instrumentos (aguinha, arzinho, motorzinho, sugador, cadeira, etc) e os barulhos e os movimentos que eles fazem é que vamos realizar outros procedimentos como a profilaxia (limpeza), o exame clínico e o possivelmente o flúor.

A partir de qual idade meu bebê precisa ir ao dentista odontopediatra?

Nós recebemos a visita de crianças desde o nascimento do primeiro dente. No entanto, incentivamos os pais a trazerem seus filhos a partir dos 6 meses.

Quando que meu bebê começará a ter dentes?

Normalmente os dois primeiros dentes inferiores da frente nascem aos 6 meses de idade, seguido pelos 2 superiores. Durante os próximos 18 a 24 meses, os outros dentes aparecem. Os dentes de leite devem aparecer aos 2 ou 3 anos de idade.

Quão freqüentemente meu filho(a) precisa visitar o dentista odontopediatra?

Ambos crianças e adolescentes deveriam visitar o dentista a cada 6 meses para prevenir as cáries e outros problemas dentais. Freqüentemente na odontopediatria trabalhamos identificando e “parando” os processos de cárie no começo, sem a necessidade de uma restauração.

Meu bebê sempre chora na cadeira do dentista. O que devo fazer para não traumatizá-lo?

É importante que você saiba que, do mesmo jeito que bebês de 0-3 anos às vezes choram para cortar a unha, para tomar banho, para trocar de roupa, para cortar o cabelo, para ir ao médico etc. também choram quando vão ao dentista. O choro na cadeira do dentista nesta idade não é sempre sinônimo de dor mas sim de "não entendo porque estou aqui", "não gosto" ou "me tirem daqui". Cabe ao dentista odontopediatra saber distinguir entre os diferentes tipos de choro para saber se é dor, manha ou simplesmente "não estou entendendo quero ir embora".

O bebê ainda não compreende direito o conceito de "causa e efeito", como "se não deixar minha mãe escovar meus dentes, o bichinho da cárie vai estragá-lo" ou "se eu não for ao dentista, posso ter problemas sérios" então ele realmente não vai conseguir entender o por quê da consulta. Também não vai entender por quê que precisa ficar de boca aberta por tanto tempo (1 minutos de boca aberta para ele é muito)! Então, é de se esperar que ele chore e, se o(a) dentista odontopediatrafor bom(a), os pais não devem se preocupar pois não é choro de dor e, do mesmo jeito que cortar a unha de um bebê chorando não o traumatiza, cuidar dos dentes de um bebê chorando também não vai traumatizar.

Por que é importante a qualificação do dentista odontopediatra?

Em qualquer área mais principalmente na odontopediatria, é muito importante o fator da qualificação do profissional ao qual você leva seu filho(a) e no qual você depositará sua confiança. Para lidar com bebês e crianças, o dentista não só precisa ser odontopediatra mas precisa ser um bom nisso.

Existem técnicas psicológicas de manejo comportamental infantil na odontopediatria específicas para cada faixa etária e para crianças de diversas personalidades e a odontopediatra precisa estar muito bem familiarizada com tais técnicas para saber usá-las.

É essencial que você possa confiar no trabalho da odontopediatra que você escolher para que o tratamento de seu filho/filha pois, se você não confiar, seu filho com certeza vai sentir medo.

A mãe é o porto seguro do filho, principalmente para bebês. O que a mãe sente, o bebê sente. Então, se você sentir insegurança ou medo, seu filho também vai sentir medo e insegurança durante o tratamento e isso sim é prejudicial para ele.

Se o(a) dentista dontopediatra for qualificado(a) e bom(a), pode ser que meu filho não chore?

Sim, dependendo do grau de maturidade emocional da criança e de como ela é abordada pelo odontopediatra, às vezes com 1 ano e meio ou 2 anos ela já consegue ajudar sem chorar mas em geral isto só é esperado da criança a partir dos 3 anos de idade.

Este especialista  cuida dos seus filhos até os 10 anos de idade. Ele previne, faz a manutenção e, se necessário,  reabilita a saúde bucal das crianças!

Mídias Sociais
IVOTI
Avenida Presidente Lucena, 3171 Sala 204 Centro de Ivoti

Telefone: (51) 3563-3045 ou 93294469
NOVO HAMBURGO
Rua Gomes Portinho, 17 sala 206 Centro de Novo Hamburgo

Telefone: (51) 30655760 ou 93300113

Copyright © 2012 Clínica Tatim - Todos os direitos reservados.